Pedro Jardim de Mattos.
Fotógrafo.

Um fotógrafo apaixonado por pessoas e por capturá-las no seu habitat. Carioca, suas imagens são sempre vibrantes. Celebram a beleza da humanidade e das formas humanas.

Fotografando pessoas, registrando um gesto rápido ou uma expressão, começou a sua carreira.

Viveu em várias cidades do Brasil e do mundo. Quando voltava ao Brasil, vindo de Londres, Lisboa ou Madri, olhava o seu país como os estrangeiros fazem. Descobria novas “cidades maravilhosas”, colocando juntas pessoas e paisagens para reinventá-las.

Busca conhecer as diferentes culturas que encontra, traduzidas pela linguagem plástica visual, instância privilegiada que aproxima diferenças e ultrapassa barreiras geográficas, de língua e credo.

Pedro expõe na Europa, América do Norte, América do Sul e África, tendo sido o primeiro fotógrafo brasileiro a ter uma exposição individual no Sudão, convidado pelo Governo Brasileiro.

Está em coleções particulares do Brasil, Inglaterra, China, Dinamarca, França, Espanha, Canadá, Sudão, Itália, Gana, Holanda, EUA, Portugal, Chile, Noruega, Suriname, China e Alemanha. Faz parte do acervo da Adams State University, Colorado, da Embaixada Brasileira em Gana e da Kunsthaus Klagenfurt, Austria.

Exposições

Exposições Individuais:

Cadê a Bola?
Galeria Gilson Martins, Rio de Janeiro, Brasil | 2019

DéliRio de Janeiro
Le Sanglier Bleu, Paris, França | 2018

desvelados
Galeria Café, Rio de Janeiro, Brasil | 2017 a 2018

Brasil e Gana Entrelaçados
W.E.B. DuBois Centre, Acra, Gana | 2017

DeliRIOus in Rio
Hatfield Gallery, Alamosa, Colorado, EUA | 2015

Vibrações Humanas Todas as Cores e Castanho do Sudão
Centro Cultural Justiça Federal, Rio de Janeiro, Brazil
| 2013 a 2014

Brazil – Sudan
King Al Faisal Cultural Center, Cartum, Sudão | 2013

Life of the Sun
Hotel AC Palacio del Retiro, Madri, Espanha | 2012

Brazil
Rashid Diab Art Centre, Cartum, Sudão | 2012

Sensual DeliRIOus
Gilson Martins Galeria, Rio de Janeiro, Brasil | 2012

Exposições Coletivas:

ACNUR – ONU, e Embaixada do México, Refugiados em Gana.
Nobuke Foundation, Acra, Gana | 2017

Embaixada do Brasil/Jamestown Cafe, Acra, Gana | 2017

Galeria Metara Porto Maravilha | 2017

Kunsthaus: Kollitsch, Klagenfurt, Austria | 2015 a 2016

Galeria Metara, Rio de Janeiro, Brasil | 2015

Embaixada do Brasil, Berlim, Alemanha | 2014

Galerie Berlin Am Meer, Berlim, Alemanha | 2014

Galeria Metara, Rio de Janeiro, Brazil | 2012

Galeria Metara, Rio de Janeiro, Brazil | 2011